Álgebra esbugalhada

Um esbugalhamento de risos
O que é uma voz terrivelmente estressante, mal articulada e olhos esbugalhados em uma aula de pura matemática m um dia qualquer?
Pode ser um louco de pedra querendo saber sobre teorias de um suposto doutorado, um alienado procurando uma razão qualquer para perturbar a paz pública ou um pobre diabo que insiste em espantar o sono de um bando de discentes com ridículas frases soltas de um pensamento nada linear.Some a isso todos os elementos que um final de mês e de semana pode gerar e coloque-os , tudo e todos, dentro de uma sala às sete horas da manhã. A situação torna-se tão estranha e risível que não se pode articular uma sílaba sequer além de risos e pensamentos nos quais somente a consciência de um lunático é capaz de estabelecer verdadeiros torvelinhos de comicidade.
Em outro ponto, ainda no mesmo recinto e sob as mesmas inusitadas circunstâncias, todas as desarticuladas palavras e os esbugalhados olhos são capazes de tornar a mesma aula exata em um verdadeiro pandemônio destruidor de todo e qualquer conhecimento ou raciocínio. A bem da verdade, a mera presença de tal criatura é capaz de desconcentrar e inviabilizar qualquer lógica, mesmo que seja a pobre Álgebra Linear.
Receio, entretanto, que espécimes desse tipo estejam espalhados por inúmeras salas de diversos de cursos e que provocam, em momentos similares, a festa de outros tantos coitados que acordam nos primeiros raios do sol para esticar o conhecimento um pouco além de ontem.
É realmente divertido, ao mesmo tempo que horrivelmente chateável, as desarticulações de uns certos lunáticos de olhos esbugalhados...
Para alegrar a tarde pós-traumática...
video
                                           (DESLIGUE O REPRODUTOR PARA OUVIR)

Postagens mais visitadas